Estes dias tivemos uma piada viva: um tal de “Aldo” (se for o nome dele de verdade eu deito no chão de tanto rir) que entrou e foi expulso umas vinte vezes dos principais grupos sobre força e treinamento no facebook. Primeiro ele era “Aldo Anabolizantes”; depois ele virou “Aldo Fornecimentos”. Mais um idiota, que gasta o tempo da gente em aprovar, banir, ele criar outro perfil, num ciclo infernal.

Vamos falar um pouco sobre duas coisas meio tabu: a primeira é mercado negro de substâncias ergogênicas. Ele existe e muita gente precisa dele. Atletas mesmo, de elite e alto rendimento. Por que? Porque existe uma enorme hipocrisia mundial que advoga pontos de vista sem fundamento sobre a eficiência de medidas proibitivas. Atrás disso, uma mentalidade autoritária e corrupta. Isso é o que conseguiram o COI, a WADA e os dirigentes corruptos, junto com um bando de profissionais arrogantes da medicina esportiva que acham que podem decidir sobre questões éticas individuais.

Eu digo e sustento: quem criou e mantém o mercado negro de ergogênicos é a WADA, o COI, a ANVISA, o FDA, a Sociedade Brasileira de Medicina esportiva e todos que defendem que alguém tem a prerrogativa de decidir por um terceiro adulto quanto a um comportamento que não gera mal a outras pessoas.

Vou mais longe: todas as pessoas que, por falta de espírito crítico, caem na estória para boi dormir de que uso de anabolizantes é “roubar” no jogo, sendo que as variáveis que determinam melhora de performance estão bem além do que essas cabecinhas medíocres imaginam.

É isso aí: quem mantém o “Aldo Anabolizante” vendendo estanazolol falso para seu filho é você mesmo, seu moralista e intervencionista estatal.

O segundo tabu é isso aqui, o facebook. Bonitinho, né? “Para amigos”, o “livro das caras”. Coisa nenhuma! Isso aqui é uma plataforma de alta sofisticação de MARKETING. E gente como eu e os administradores dos grupos bem sucedidos gastamos tempo de estudo para entender como isso funciona. Ou vocês acham que uma página profissional/de atleta de quase 10 mil seguidores se forma pelos meus olhos verdes? Pelas minhas medalhas? É preciso investir tempo, conhecimento, criar conteúdo e engajamento e tudo isso é SABER REMUNERADO.

Os grupos que vocês curtem funcionam porque sabemos fazer funcionar.

Aí vem o Aldo Anabolizante fazer algo que compromete a legalidade do que fazemos, por mais que sejamos politicamente contra o anti-doping, e nós o eliminamos. Ora… o poder está nas nossas mãos!

Outro tema tabu: os comerciantes do mercado negro de maior confiabilidade jamais fazem isso. Eles em geral mantém baixa visibilidade e são discretos. Têm sua clientela formada no “boca a boca” pela satisfação com o produto. Não precisam postar foto de Hemogenin e anunciar que vendem, especialmente em grupos onde adultos, como eu, vão dizer para o jovem: não compre essa porcaria porque é falsa.

Existe o mercado negro, não sou contra e nem a favor, ele é ruim para todos, a começar pelo comerciante que corre riscos, e quem criou foram os senhores de blazer de plantão. Existem os babacas, os “Aldos Anabolizantes” e eles são só babacas.

E existe o Facebook, onde, cada vez mais, é preciso ser “pro” para usar e implementar sua estratégia de serviço ao próximo (nossos grupos e entidades sem fins lucrativos), de marketing e trabalho.