(pequenos comentários de um dia sem tempo)

 

Essa frase não é minha, mas da Thais. Ela usou para expressar sua perspicaz percepção de que havia algo de discrepante na massa corporal desse nosso colega powerlifter, da categoria de até 67,5kg. No campeonato sul-americano de setembro, seus sete (sério, eram sete) adversários eram no mínimo 10cm mais baixos do que ele. Os membros mais longos, a maior distância para os levantamentos e a menor massa muscular relativa foram claramente desvantagem. Para levantadores altos, subir de categoria mais cedo ou mais tarde é uma necessidade. Por mais indireta e determinada por múltiplas variáveis que seja a relação entre massa corporal e força, mesmo a melhor das genéticas acaba se rendendo.

 

Marilia

 

BodyStuff