Fabiano e Caetano (meus médicos, da ortopedia da Clínica Berrini e do H. do Servidor Público) garantem que a recuperação será sensacional. Caetano me adverte que o problema é justamente a falta de dor. Em pouco tempo, não haverá incômodo algum. Porém, o tecido estará em processo de reconstrução e portanto frágil.

Para quem sofreu lesão semelhante, só tenho um conselho: confiança irrestrita nos cirurgiões. O motivo é simples: os problemas relacionados à cicatrização da junção tendão-osso são ainda controvertidos na literatura. Bem apontado por XX , a “evidência anedótica” (aquela que enquanto não se publica com um “n” razoável é objeto de troca de experiência entre cirurgiões bem capacitados e dedicados) é mais rica do que o consenso científico.

Uma fonte legal:

Controversies in knee surgery –  Por Riley J. Williams,David P. Johnson