Em 2011, eu fiz uma pequena reforma na edícula, derrubei duas paredes, um banheiro e comprei 230kg de peso olímpico (anilhas e uma barra). Também comprei uma gaiola e um banco.

Isso é tudo que eu precisei para construir o espaço mais importante que eu habito na casa: minha Powerhouse.

Como tudo que é realmente importante, powerlifting diz respeito à simplicidade. “Simplicidade na forma, complexidade no conteúdo” (Gabe Sorensen, Power Unlimited). Um cilindro de aço carregado com discos é movido para baixo e empurrado para cima (ou puxado para cima) – mais nada. No entanto, podemos passar uma vida de dedicação exclusiva aos três levantamentos onde só isso ocorre e não esgotaremos tudo que há para se aprender com eles.

Uma das coisas que aprendi com o powerlifting foi simplificar a vida. Quanto mais se simplifica, se limpa a paisagem, se desentulha o caminho, mais longe se vê e se vai. Não preciso de um carro novo, computador novo e muito menos de uma blusa nova. Não preciso de uma parafernalha para treinar bem. Do que eu preciso?

De uma gaiola, uma barra, anilhas e um banco. Só.

Boards, correntes, borrachas, dumbells, kettlebells, pneus, sleds e outros equipamentos são importantes, mas não são indispensáveis. Com eles se faz uma melhor preparação – sem eles se faz uma preparação.

De quem eu preciso?

É importantíssimo ajuda para alguns treinos de agachamento e supino pesado. Indispensável, no entanto, sou eu. Oitenta por cento dos meus treinos foram feitos sozinha, na companhia dos baixinhos e ao som das corujas avisando alguma coisa.

Todo aprendizado é solitário. Ninguém pode aprender por nós. Quanto antes enfiarmos isso na cabeça, melhor. A outra coisa que aprendi com o powerlifting foi a riqueza da autonomia e da solidão benigna.

Com toda a loucura que o incrível ano de 2011 proporcionou, paradoxalmente foi um ano em que vivi muita paz dentro do meu templo sagrado, minha Powerhouse.

A busca da transcendência requer isso: simplicidade e solidão.

Só assim encontramos a díade fundamental: a Força e o Amor.

=====

Alguns amigos que fizeram seus experimentos com a força na minha Powerhouse e um vídeo do meu treino solitário nela.

Primeiro terra do Tiago na PH, 185kg

https://www.facebook.com/video/video.php?v=10150216208358622

Tiago, finalização 220kg

https://www.facebook.com/video/video.php?v=10150251800363622

Marcão com 230kg

https://www.facebook.com/photo.php?v=205832216155052&set=t.1039887468&type=3

Silas e o supino:

Minha preparação para Villa Maria 2011: